Praça Urbana Casa Cor São Paulo 2017. Ricardo Pessuto assina a Praça Urbana, com direito a paredes de cobogós Ibiza Acabamentos e Gauss, dois lagos isolados por pedras e vegetação, com sistema de filtragem da água.

casa cora26089ef-9042-4eb9-ba58-b430ecfd7ad6

1 insta

 

“É uma praça utópica, mas com ideias que podem ser aplicadas mesmo em espaços pequenos”, afirma Pessuto, que se lança como designer, apresentando o banco Catuaba, que pode ser usada também como espreguiçadeira.
Somam 25 as variedades vegetais empregadas na composição, incluindo o jasmim-manga, que dá verticalidade ao jardim, helicônias e muitas bromélias. “Além de ser nativa, a bromélia se alimenta da água que fica no prato, ou seja, não hospeda o mosquito da dengue.”

casa cor7dc68d14-32f8-4ab8-8a64-41732f1c73b45

casa cora4d6fa98-775f-47aa-b82d-0a606edd9484

Fonte: Estadao